Um funcionário do STF {{o estagiário responsável pelo Twitter}} resolveu brincar de ser político e escreveu em seu Twitter:

Que você, pessoa física, faça piadas deste tipo é aceitável, mas um Twitter com o nome: STF OFICIAL simplesmente não pode soltar uma nota destas. Apesar do que a ImprenÇa diz, o Sarney foi eleito senador. Depois de eleito senador, os outros senadores {{também eleitos pelos cidadãos}} o elegeram presidente do senado.
Motivo mais do que justo, portanto, para uma demissão. Você não pode falar uma coisa destas em nome da principal instância jurídica da república, simples assim.
Agora, falar o quê de quem finge não saber disso tudo?! Miriam Leitão, jênia, acha justo:
É Miriam Leitão apoiando esse tipo de coisa, é Marcelo Tas dizendo que o Exército devia invadir o congresso… vale qualquer coisa, hoje em dia…
Inscreva-se em nossa Newsletter

Inscreva-se em nossa Newsletter

Não perca nenhum conteúdo. Não se preocupe, seu e-mail não será repassado a ninguém.

Obrigado, sua inscrição foi feita!

Compartilhar

Compartilhe esse artigo!